fbpx

Ano passado quando escrevi esse artigo pela primeira vez no LinkedIn, me questionei sobre que cheiro definia o meu ambiente de trabalho. E se fosse usar o marketing olfativo para atingir clientes, qual seria o aroma mais marcante?

Sou uma mulher que trocou a “estabilidade” da carteira de trabalho pela vida de empresária, primeiro me joguei na aventura de empreender em sociedade e em seguida percebi que tinha coragem suficiente para a carreira solo, e cá estou eu, por vezes ainda com a ansiedade aflorada e agora mergulhada em tardes com muito chocolate e chás.

Flores e plantas são acessórios que não faltam no meu cantinho, então em meio a tantas misturas de cheiros qual deles poderia ser a marca olfativa da Class Marketing?

 

 Lembranças e sentimentos relacionados a cheiros

ficam arquivados em nosso cérebro

 e são despertados mediante a um pequeno estímulo perfumado.

 

A preocupação com um bom ambiente de trabalho é fundamental hoje em dia, e também é sabido que transformar os aromas em lembranças gostosas de nossa vida influenciam de maneira positiva nosso dia a dia, em escritórios o objetivo essencial quando se desenvolve o marketing olfativo é criar uma atmosfera agradável que convide a produtividade. Já quando o assunto é atrair vendas é uma excelente estratégia para fixar uma marca, envolvendo seu cliente em uma fragrância única.

 

O brandsense ou marketing sensorial, já é explorado há bastante tempo, é a aérea do marketing que envolve os 05 sentidos humanos: visão, audição, tato, paladar e olfato e tem por objetivo aproximar o cliente e a marca, dentre os sentidos, os mais utilizados ainda são a visão e audição, principalmente porque na maior parte das vezes procuramos atingir o público-alvo por meio de técnicas tradicionais de “vitrinismo”. Mas não ignore o olfato, nem imagine que é difícil trabalhar com esse sentido, mesmo que leve tempo de planejamento e pesquisa pode ser uma alternativa criativa para aumentar suas vendas, além de criar um elo de relacionamento com seu público.

 

 Influencie de forma positiva

 

Quando falamos de marketing sensorial falamos de sentimentos, assim como o marketing de relacionamento, cada um dentro da sua característica, visa tocar o cliente de forma sutil e duradoura, use o marketing de forma responsável e com objetivo definido, pois sua marca – pessoal ou através da sua empresa – ocupa o subconsciente das pessoas.

 

Quanto a Class Marketing, descobri que aqui o cheiro é de chá de camomila e chocolate.

 

Gostou do assunto? Então leia também:

Sou Flavia Machado Okuyama, e trabalho com Marketing de Relacionamento com o Cliente porque acredito que as relações humanas são a peça fundamental para melhores negócios. 

Gestora da Class Marketing, uma empresa que ajuda marcas a fazerem a diferença na vida das pessoas.

Quer receber meus conteúdos? Clique aqui e não perca as novidades.

CompartilheShare on FacebookTweet about this on Twitter